Aparador de aliança: saiba mais sobre

Aparador de aliança: saiba mais sobre

A aliança é o símbolo da união de duas pessoas que se amam. Nesse cenário, há elementos que podem muito bem se tornar grandes presentes, como os aparadores de aliança. Eles consistem em tipos de anéis que usualmente são utilizados em conjunto com a joia principal e servem para destacá-la ou até mesmo evitar que a outra fique saindo do dedo.

Além de ser um acessório lindo e versátil, é uma ótima maneira de variar a aparência da sua aliança. Gostou da ideia? Continue lendo o post e entenda mais.

O que é um aparador de aliança?

Esse acessório geralmente é um anel delicado, feito em ouro branco, amarelo ou rosê, e costuma ser cravejado com pequenos diamantes. Também chamado de meia aliança, o seu aparador pode variar de tamanho, dependendo do seu gosto. Entretanto, o mais recomendado é que sirva como um complemento, e não fique em maior evidência do que a joia principal.

Existem vários estilos de aparadores de aliança. Os mais usados são aquelas alianças fininhas com uma delicada fileira de brilhantes até a metade da peça. Só que nada impede que seja um solitário ou que traga várias fileiras de pedras.

Para que servem os aparadores?

A maior utilidade do aparador de aliança é deixá-la firme no seu dedo, de forma que a peça não caia. Caso você tenha optado por um anel de compromisso com formato atemporal, os aparadores são uma ótima maneira de trazer uma incrementada para a aliança, seja de noivado, namoro ou casamento.

Por serem peças separadas, você pode escolher o momento certo de a usar. Pode até mesmo colocar mais de um aparador no mesmo dedo. É também um ótimo presente para bodas ou alguma ocasião especial.

Como utilizá-los?

Não existe um grande mistério no uso do aparador de aliança. Tudo vai depender muito do seu gosto pessoal e da ocasião. O mais comum é que se utilize um anel delicado logo após a aliança, para que esta não saia do seu dedo com facilidade.

Entretanto, há quem prefira colocar o anel principal entre dois aparadores iguais ou mesmo com desenhos diferentes. Não há regras: o importante é que o conjunto fique harmonioso e sua aliança ganhe ainda mais realce.

Posso usar outros anéis como aparadores?

De fato, não há regras tão rígidas para seguir. O importante é que você se sinta ainda mais bonita e especial utilizando suas joias. Há muitas noivas que optam por utilizar o anel que ganhou no noivado como aparador de aliança; outras preferem uma peça mais fininha, com apenas um brilhante no topo do anel.

Você pode ainda usar um anel especial que ganhou de presente, ou uma joia de família. Fique à vontade para misturar diferentes tonalidades de ouro e texturas variadas. Uma ótima ideia também é adquirir aparadores de vários estilos e ir trocando de acordo com as ocasiões. Afinal, as peças que usa diariamente não são as mesmas que você escolhe para um evento social, ainda que sua linda aliança continue sempre lá, a acompanhando.

Por fim, não importa se seu anel de compromisso é mais tradicional ou bastante incrementado. Os aparadores são excelentes opções para proteger e complementar a sua aliança. Um anel tão especial merece receber todo o destaque e cuidado possível, certo?

Fique atenta ao tamanho do aparador de alianças para que ele não “brigue” com a peça principal e observe a harmonia do conjunto. Seja criativa: é divertido, pode apostar!

E aí? Gostou da ideia? Siga a nossa página no Facebook e receba muitas outras dicas como essas!

Anel de formatura: de onde surgiu a tradição?

Anel de formatura: de onde surgiu a tradição?

 

Para muita gente, sobretudo no caso daqueles que têm gosto por seguir as tradições, o anel de formatura significa a materialização do sonho de se tornar um profissional, enfim realizado com a conclusão de um curso específico. É um verdadeiro presente, que marca o início de uma nova jornada, conquistada graças a muito estudo e esforço na formação.

E isso não é só aqui no Brasil, uma vez que os anéis de formatura estão inseridos na cultura de vários outros países. Mas como será que essa tradição começou? É justamente sobre isso que falaremos nesse post. Acompanhe e saiba mais sobre a tradição dos anéis de formatura!

Um pouco de história

A referência mais antiga sobre o uso de um anel de formatura data de 1835, nos Estados Unidos. Mais precisamente dentro da academia militar de West Point. Os anéis, nesse caso, eram usados para que a turma de formandos fosse assim identificada.

O anel foi criado com a intenção de que os alunos da academia, de alguma maneira, lembrassem dos valores e ideais ensinados na escola, que era tida como uma das de maior prestigio naquela época — que era, então, a única academia militar dos Estados Unidos. A ideia popularizou-se entre alunos de outras instituições, e foi aí que teve início a tradição dos anéis de formatura que conhecemos hoje em dia.

Como eram os primeiros anéis de formatura

O design dos primeiros anéis de formatura era quadrado, bem semelhantes a um anel de sinete. Ao invés de carregar o símbolo do curso, como nos dias atuais, na ocasião o anel de formatura trazia o emblema da instituição de ensino onde o profissional estudou e se formou. Com o passar do tempo esse design foi sendo modificado, e cada instituição superior constituiu novos formatos de anéis.

Outras curiosidades do anel de formatura

O uso de determinada pedra no anel costuma ser incentivado entre algumas profissões. A ideia é mostrar o vínculo entre as pessoas da mesma área. A escolha dessas pedras e a determinação para cada uma das áreas profissionais se dá conforme os significados das pedras na tradição do Ocidente. Por exemplo, o rubi é a pedra vermelha que representa o dom da palavra, seja escrita ou falada. Por essa razão, cursos como os de Direito e Jornalismo costumam atribuir o rubi como a pedra central de seu anel de formatura.

A esmeralda, que é uma pedra esverdeada, relaciona-se com a saúde, natureza e a cura. Por isso, costuma ser atribuída a cursos como Medicina, Enfermagem, Nutrição, Veterinária, Fisioterapia e Bioquímica. Já a safira azul, apesar de ser conhecida como a pedra das Ciências Exatas (como as áreas de Engenharias), também é muito apropriada para o anel de formatura dos cursos de Artes e Comunicação.

Os anéis de formatura exprimem uma tradição que se mantém viva, mesmo com as mudanças culturais. Ainda é o símbolo da consolidação de uma formação profissional, dando mais sentido à joia. Ela se torna assim um presente incrivelmente especial, normalmente dada pelos pais ou padrinhos do formando.

Gostou de conhecer melhor a história da tradição dos anéis de formatura? Adquira já o seu na WM Joias!

Anel de formatura: que pedra escolher para cada curso?

Anel de formatura: que pedra escolher para cada curso?

Um dos momentos de maior alegria durante a vida acadêmica é a colação de grau. É ali quando o estudante deixa de carregar essa qualificação e oficialmente está prestes a ingressar no mundo profissional. A sensação de dever cumprido e felicidade muitas vezes vem junto a um presente que é mais que um agrado feito pela família; é, na verdade, uma tradição muito especial: receber o anel de formatura.

Pode-se dizer que um anel de formatura se trata de verdadeira joia, forjada em ouro ou prata, e que carrega pedras preciosas que simbolizam cada carreira específica. Você já sabe dizer qual é a sua? Qual a cor da pedra de seu grupo profissional?

Confira as dicas deste post e veja qual pedra escolher para o anel de formatura de cada curso.

O anel de formatura com safira azul

A pedra safira azul está relacionada a uma grande quantidade de cursos. Muitos deles ligados à Comunicação, Artes, algumas Ciências Exatas e outras áreas de Humanas. São alguns deles: Administração, Artes Cênicas, Artes Plásticas, Agronomia, Análise de Sistemas, Arquitetura, Astronomia, Ciências da Computação, Ciências Políticas, Filosofia, Dança, Design, Computação, Comunicação Social, as várias Engenharias, Marketing, Fotografia, Fonoaudiologia, Física, Moda, Música, Matemática, Pedagogia, Publicidade e Propaganda, Rádio e TV, Relações Internacionais, Secretariado e Turismo.

O anel de formatura com esmeralda

No caso do anel de formatura com a maravilhosa pedra verde esmeralda, os cursos costumam estar relacionados às Ciências Biológicas e áreas relacionadas (como muitos dos cursos da área de saúde). Isso porque a cor verde representa a natureza, a vida e invariavelmente diz respeito à cura de doenças. A energia dessa pedra é recomendável para cursos como: Auxiliar de Enfermagem, Biomedicina, Bioquímica, Educação Física, Enfermagem, Fisioterapia, Medicina, Nutrição, Psicologia, Terapia Ocupacional, Medicina Veterinária e Zootecnia.

O anel com pedra ametista

A ametista é empregada para representar diversas áreas do conhecimento. Como é uma pedra que tem forte relação com a mente e as habilidades psíquicas, relaciona-se com o campo social e algumas áreas de Licenciatura. Um anel de formatura com pedra ametista é indicado para os cursos: Biblioteconomia, Ciências Sociais, Economia Doméstica, Gastronomia, Geografia, História, Letras, Sociologia e Teologia.

O anel de formatura com rubi

A pedra preciosa vermelha rubi está relacionada com a boa oratória, a escrita e é muito usada para afastar impurezas. Comumente se mostra associada a algumas ciências humanas e poderá trazer sucesso a quem a usa. O rubi é a pedra dos cursos de: Direito, Jornalismo e dos Oficiais da Justiça.

O anel com topázio azul e topázio amarelo

O topázio é uma pedra semipreciosa e de larga produção no Brasil (é um dos maiores produtores do mundo). Os tons podem ser o amarelo, passar pelo marrom e chegar ao azul. Traz sorte como símbolo de graduação e pode ser usada para a superação de problemas do dia a dia. O topázio azul é aconselhado para os cursos: Biologia, Ciências Navais, Economia, Quiropraxia, Técnico em Estética e Técnico em Gestão Financeira. Já o topázio amarelo é usado para os cursos: Farmácia, Radiologia e Tecnólogo em Raio-X.

Agora que você conhece as pedras preciosas que são mais usadas nos anéis de formatura, você será capaz de acertar na escolha para usar ou presentear o formando de que você mais gosta.

Gostou do post? Não deixe de conferir os anéis de formatura disponíveis na WM Joias!

Anel de brilhante ou diamante? Saiba quais são as diferenças

Anel de brilhante ou diamante? Saiba quais são as diferenças

Quem pensa em comprar uma joia, especialmente para ocasiões especiais, como um anel de noivado ou comemoração de aniversário, pode realmente ficar em dúvidas quando o assunto é a escolha entre brilhantes ou diamantes. O investimento pode ser alto, portanto valeria a pena entender melhor o significado dos dois termos, certo?

Se você tem essa dúvida e não quer errar na hora de escolher, então precisa ler este post até o final. Acompanhe o conteúdo e entenda as características e diferenças de um anel de brilhante e um anel de diamante.

Nem todo anel de diamante é um anel de brilhante

No Brasil, é comum as pessoas usarem os termos como sinônimos. Mas a verdade é que isso não é adequado ser feito em todos os lugares. Quando alguém lhe disser que o anel tem 15 brilhantes por aqui, pode estar se referindo a um anel que apresenta 15 diamantes. Os termos não representam a mesma coisa, justamente porque nem todo anel de diamante é, na verdade, um anel de brilhante.

A principal diferença existente entre os dois casos

O brilhante, na verdade, diz respeito a um tipo de lapidação do diamante. Ou seja, o seu processo de corte, que passou por muitas modificações ao longo do tempo até chegar ao que hoje em dia é conhecido como brilhante. No geral, diferentes propostas de lapidação de diamante podem ser encontradas: oval, gota, coração, navete, entre outras. Elas são fundamentais para que o diamante bruto, na forma como é encontrado na natureza, seja aperfeiçoado. Caso contrário, poderia até mesmo ser confundido com um pedaço de vidro pelas pessoas que não conhecem a pedra.

Inúmeros lapidadores tiveram influências nas proporções dos brilhantes atuais. Porém, os mais influentes nesse aperfeiçoamento foram Henry Morse e Marcel Tolkowsky. O brilhante é hoje o tipo de lapidação mais comum para essa pedra preciosa. Por isso que a maioria dos diamantes encontrados por aí são brilhantes.

As características do brilhante

Para que o corte seja considerado um brilhante, ele precisa explorar ao máximo as qualidades óticas de um diamante, ou seja, entregar mais brilho. O corte do brilhante apresenta 58 facetas. Acentuar o brilho, na verdade, é o grande desafio dos lapidadores que, devido ao trabalho tão detalhado, posicionando estrategicamente as facetas, são considerados verdadeiros artistas.

Saber tais diferenças é algo importante, porque alguns joalheiros não utilizam o brilhante como lapidação, especialmente quem busca reduzir custos. Algumas pedras menores trazem menos facetas, como na lapidação 8/8. Essas brilham menos, e o preço deve ser menor. Assim sendo, quando um anel de diamante tido como anel de brilhante lhe for colocado às vistas, é válido se certificar de que não se trata de um 8/8.

Entenda que não necessariamente estariam tentando enganar você. Justamente por conta da prática cultural que aplica o termo de forma tão generalizada no país, pode ser o caso de mero desconhecimento ou hábito. O brilhante realmente é a escolha perfeita quando o assunto é anel de noivado, porque valoriza a pedra, acentuando a beleza e o brilho do diamante.

Agora que a diferença foi perfeitamente esclarecida, você pode investir em um anel de brilhante ou anel de diamante sem cometer erros!

Gostou de conhecer a diferença entre o brilhante e um diamante? Ficou alguma dúvida que você precise esclarecer? Deixe aqui o seu comentário, com dúvidas ou opiniões.

Conheça as novidades para os tão esperados Anéis de Noivado.

Conheça as novidades para os tão esperados Anéis de Noivado.

Oi amores que nos seguem aqui no Blog mais maravilhoso das galáxias! A WM Joias não se cansa de trazer novidades todas as semanas e falar dos mais diversos temas que compõem a nossa vida.

Vamos aproveitar que nosso último post foi sobre as Safiras, a pedra do mês de Setembro e vamos conversar sobre um assunto que tem despertado muitas dúvidas entre os pombinhos por aí: Afinal, o Anel de Noivado pode ter outra pedra que não seja o Diamante?

Imagem relacionada

Falar de pedras preciosas é sempre maravilhoso, porque elas têm um poder incrível de transformar qualquer peça em uma joia extremamente fascinante e quando se trata das joias de compromisso a emoção fica ainda mais intensa.

Já falamos por aqui dos Anéis de Noivadode suas diferenças com as tradicionais Alianças de CasamentoPois é, que essa joia já caiu no gosto dos casais todo mundo já sabe né?! A história dos Anéis de Noivado mostram o quanto essa preciosidade se tornou uma tendência nos últimos anos.

A primeira vez em que temos notícia do uso de um anel de noivado é datada do século XV, e nos primeiros registros não temos a ideia do modelo utilizado. Somente dois séculos mais tarde é que vamos conhecer anéis de noivado com pedras preciosas, os Rubis lapidados em forma de coração eram os mais comuns para esse tipo de joia.

A revolução da joalheria especializada veio com a Tiffany Co. que criou o tradicionalíssimo solitário de Diamantes e desde então essa gema se perpetuou como a grande rainha dos Anéis de Noivado.

Mas como o mundo dá voltas e temos lugar para todos os gostos e desejos, nos últimos tempos outras pedras preciosas vêm recebendo nova valorização e ganhando espaço no design de Anéis de Noivado mais contemporâneos, colorindo esse momento tão especial e o deixando ainda mais mágico, com tantos significados atribuídos às pedras preciosas.

Resultado de imagem para pedras preciosas para anel de noivado

Pois é! É claro que é sempre maravilhoso ganhar um Diamante, mas as demais gemas utilizadas pela joalheria são igualmente encantadoras.

Kate Middleton foi pedida em casamento com o maravilhoso Anel de Noivado com uma Safira gigantesca vinda do Sri Lanka. A joia pertenceu à inesquecível Princesa Diana e chamou a atenção do mundo todo pela beleza e pela ousadia de fugir do tradicional. A Safira, por exemplo, carrega muitos significados, entre eles a lealdade e a nobreza, além de representar romantismo e estar associada ao amor eterno. Perfeita para compor uma joia tão especial como o Anel de noivado.

O Rubi é outra fascinante opção para a confecção de um Anel de Noivado inspirador, também adorado pela realeza, marcando o noivado da princesa Mette-Maritt da Noruega.

O Rubi sempre foi considerado a pedra da paixão e do amor e marcaram os primórdios dessa joia, com pedras em formato de coração. Recentemente voltaram com todas as forças e encanto. Na WM Joias você vai encontrar um Rubi cravado no interior de quase todas as nossas alianças de casamento, para representar o amor eterno e atrair as boas energias dessa belíssima pedra para a vida do casal.

Foto Alianças para casamento com design único modelo confort 12g e 6mm WM2961

As Esmeraldas também são uma das queridinhas para essa ocasião. Jacqueline Kennedy recebeu um Anel totalmente moderno com uma esmeralda de 2.84 quilates.

Imagem relacionada

Já falamos muito das Esmeraldas aqui, a pedra do mês de Maio. Utilizadas desde a antiguidade pelos gregos egípcios para a confecção de belíssimas joias, a pedra simboliza a fertilidade e o amor. Muitas crenças associam a pedra à revigoração da saúde e atribuem a ela a força do renascimento. Além da beleza de sua cor única entre as pedras preciosas, as esmeraldas representam bons sentimentos para marcar uma grande decisão na vida do casal.

O mais maravilhoso de tudo isso é saber que não existe nenhuma regra rígida que determina apenas um tipo de pedra ou de material para compor essa joia mais que especial e a joalheria tem investido esforços para criar e apresentar possibilidades que agradem não só o gosto, como os bolsos de todo mundo que deseja presentear a noiva com uma joia de tamanha importância como essa.

Outras pedras, como as Turmalinas, as Pérolas, Água Marinha também compõem perfeitamente essa proposta. Basta descobrir qual é a que mais lhe agrada e pronto! O resto é com a gente!

Na nossa Loja Online você encontra modelos incríveis de Anéis com cada uma dessas gemas que apresentamos acima e o melhor, fazemos tudo de acordo com o seu desejo. Corre lá e se apaixone!
E não saia daí, que logo a gente volta com mais novidades lindas para você!

E aproveite e acompanhe a gente nas Redes Sociais – FacebookInstagramPinterestTwitter e YouTube

É muito amor reunido em um só lugar!

Cadastre-se na Newsletter
X

Receba nossos conteúdos por e-mail.
Clique aqui para se cadastrar.